top of page

COMO TER UM MINDSET ÁGIL?

Atualizado: 23 de nov. de 2023

Não adianta, falar sobre o futuro do trabalho é falar sobre as pessoas se adaptarem aos novos contextos do mercado!

Agora, o que pode ser novidade para alguns ou realidade para poucos, é a adaptação sobre o formato de trabalho, para um Modelo de Trabalho Ágil, que traz consigo o Mindset Ágil.

Fica tranquilo, não vou falar aqui de "tecniques", como Scrum, Kanban, SAFe e outra sopas de letrinhas. O que eu queria ajudar aqui, hoje, é a ter uma idéia do que significa esse tal Modelo de Trabalho Ágil e, no final do dia, como isso impacta você na sua jornada para se adaptar ao futuro do trabalho.


Mas o que é o tal do Modelo de Trabalho Ágil?

Em poucas palavras, o modelo de trabalho ágil valoriza a adaptabilidade, colaboração e aprendizado contínuo (tem uma raiz no Lean aí 😉). Ao invés de ter grandes planejamentos, trabalhamos em pequenas etapas, planejando em ciclos curtos o que precisa ser feito e contando com diferentes perspectivas para esse planejamento (é aí que entra o multidisciplinar). E é aí que a gente colhe os benefícios do ágil: planejar em ciclos curtos também permite que a gente capture feedbacks o quanto antes e tenha um termômetro de impacto do mercado (clientes), além de podermos reagir com mais velocidade (é aí que a gente ganha adaptabilidade). Ou seja, o Modelo de Trabalho Ágil nos ajuda a:


  1. Entregar valor ao cliente mais rápido

  2. Colaborar com colegas de diferentes áreas

  3. Resolver problemas mais rapidamente

  4. Aprender a melhorar continuamente

Pra isso, é super importante ter o foco no trabalho em equipe, com pessoas diferentes e com conhecimentos diversos, e pra isso, ter uma comunicação aberta, de forma que a gente se sinta confiante em colocar na mesa nosso ponto de vista, sempre buscando melhores maneiras de fazer as coisas.


Tá bom, e como isso requer nova habilidades?

Já dei algumas dicas ao resumir o Modelo de Trabalho Ágil, mas vale uma conversa direta pra quem gosta de lista de dicas, como eu, rs:


Comunicação efetiva: desenvolver uma conversa transparente, direta, clara e sem rodeios para explicar o que tens em mente e seu ponto de vista - a final, você agora trabalha com pessoas de conhecimentos muito diferentes dos seus, e fazê-las entender seu ponto de vista leva todos para um novo patamar de conhecimento coletivo;


Colaboração: Não tem mais essa de "fulano ficou de fazer". Estamos todos no mesmo barco. "Vamos fazer juntos?", "Como eu posso te ajudar para você poder focar no que apenas você consegue fazer?" são frases que passam a estar no nosso dia a dia. Aproveite para experimentar conversas e idéias;

Particularmente adoro fazer reuniões de trabalho, aonde a gente mal percebe aonde começa o trabalho de um e começa o do outro - time é isso!;

Resolução de problemas: Talvez uma das habilidades mais difíceis a parte mais complexas para desenvolver... muito porque não existe receita de bolo... provavelmente o que fazíamos para resolver problemas antes, não será necessariamente o segredo para resolvermos os problemas agora, e estar aberto a esse lugar de aprendiz é talvez um dos maiores desafios para desenvolvermos novas habilidades;


Adaptação: precisamos estar prontos para mudanças de planos, ajustes de rotas, e passar a trabalhar com pequenas entregas... Aqui, vale ter desapego. Cada ciclo (sprint) é um ciclo, participe de cada planejamento com um olhar para o que pode e precisa ser entregue para fazer a diferença - e entregar valor pro cliente.


A sensação que temos no começo é de que não estamos sendo "produtivos", mas, quando você olhar pelo retrovisor, vai conseguir perceber a baita entrega do grupo (apesar das várias mudanças).

Ok, e o que você pode fazer pra desenvolver tudo isso aí?

Recentemente assisti a uma palestra do Silvio Meira, da Cesar School, e ele trouxe um dado interessante: 50% do que se aprende em 5 anos de graduação se torna obsoleto em 5 anos (quase desesperador, né?) e, para que você não se torne obsoleto no que sabe ou conhece, você precisa estudar 10 horas por semana. Tá, pra você não se desesperar tanto, vou te dar algumas dicas:


Desenvolva suas estratégias de aprendizado: a boa notícia é que estudar não significa estar em sala de aula (presencial ou virtual), ou enfiado atras de um livro. As formas de aprender são diversas, ler artigos, trocar ideias com amigos e colegas, também te leva a um novo lugar de aprendizado.


Cursos e treinamentos: se você não é do time de sortudos como eu, que trabalha em uma empresa que investe no reskilling e upskilling dos colaboradores, disponibilizando uma série de treinamentos e workshops, vou te contar que tem muita coisa boa no mercado e acessível. Sou fã de conteúdos do Coursera e Udemy, que se não são gratuitos, tem preço super acessível. Seja protagonista no seu processo de desenvolver novas habilidades


Leia mais: Você não precisa passar seu final de semana lendo mais e mais livros técnicos e de auto ajuda do começo ao fim. Recentemente descobri como é libertador ler livros mais "técnicos" em pequenas doses. Faça uma leitura por cima dos capítulos, e aos poucos entre um pouco mais em um ou outro conteúdo. Além disso, tem muito artigo de qualidade espalhado pelas redes, seja em mídias como Harvard Business Review (HBR), seja pela navegação do LinkedIn, por exemplo, tem muita gente escrevendo coisas bem bacanas por aí.


Coaching / Mentoria: Não aprendemos nada sozinhos. Escolha mentores pessoais, sejam profissionais ou informais. Se aproxime de pessoas que você vê como referência, puxe uma conversa, marque um "café", mesmo que seja virtual, peça ajuda e opinião para te ajudar a ter novas perspectivas.


Não tem mais volta!

O Mindset Ágil não é só mais uma tendência passageira; é um jeito novo de trabalhar que veio pra ficar nesse novo mundo do trabalho constante evolução. Desenvolver novas habilidades que apoiem a adaptação da cultura organizacional são passos cruciais nessa jornada. Ao abraçar a comunicação efetiva, a colaboração, a resolução de problemas, a adaptação, a gente alavanca uma nova cultura que valoriza a transparência, a experimentação e o aprendizado contínuo, e assim seu ambiente de trabalho estará cada vez mais preparado para um mercado cada vez mais desafiador. Este é o futuro do trabalho, e é hora de começarmos a nos preparar para ele.


Precisando de ajuda para se adaptar ao mercado??

Desenvolva seu mindset ágil com o Programa Transforme sua Carreira

* Esse texto foi escrito com o apoio da Inteligência Artificial - Chat GPT

62 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page